Assistimos a ascensão do varejo online, as incertezas sobre os rumos da economia e consequentemente do consumo devido à pandemia. Agora, está chegando a hora de uma das principais datas para o comércio eletrônico: a Black Friday.

Muito se discute sobre quais ações e estratégias podem ser adotadas para converter novos clientes e oferecer uma experiência cada vez mais digital para as últimas semanas do ano. 

O estudo “Panorama de Consumo na Black Friday“, conduzido pela Globo, trouxe à luz informações interessantes. Nele, foi constatado que 10% dos consumidores aderiram às experiências de live commerce durante a última Black Friday, uma modalidade ainda recente em solo brasileiro. Além disso, 80% dos clientes já efetuaram compras através de canais de vendas emergentes, tais como WhatsApp ou as redes sociais das lojas.

Pensando nisso, montamos um checklist para a Black Friday com as melhores dicas para que você possa aproveitar a data. Confira!

Passo a passo para montar o seu checklist para a Black Friday:

    1) Comece antecipadamente

    É importante destacar sobretudo que o planejamento de Black Friday e datas sazonais deve ser iniciado com pelo menos um mês de antecedência, considerando implementação de novas ações e fases de testes.

    34% dos clientes já estão começando suas pesquisas para adquirirem produtos e se conectarem com as marcas nas quais irão interagir. Nesse momento é preciso atrair novos públicos, trabalhar seu posicionamento e estimular campanhas de cadastro para construir uma base de contatos com potenciais clientes. 

    Adicione um formulário no seu site para cadastro em newsletter, recebimento de promoções e alertas, download de materiais, acesso a grupos e listas de transmissão. 

    Outra fórmula de sucesso é garantir que todos aqueles que acessem o seu site, possam receber notificações como pop-ups e campanhas de mídia segmentadas nas redes sociais – aproximando sua empresa de forma personalizada. 

    Lembre-se de fazer publicações nas suas redes sociais e estimular o tráfego para suas páginas com o uso de links. Além disso, considere ações especiais para seus canais, dessa maneira você poderá estimular a interação de outras pessoas por múltiplas plataformas. 

    +6 dicas para criar sua estratégia de marketing no Instagram

    2) Prepare a sua página para uma boa navegação

    Se você já tem um site, está na hora de identificar quais são as melhorias que podem ser aplicadas nele. Para garantir a navegação e segurança no tráfego de informações, é necessário atentar-se a alguns cuidados que podem interferir na estabilidade da sua página. 

    O primeiro cuidado começa diretamente pela hospedagem de sites, ou seja, a sua infraestrutura. Normalmente em épocas sazonais, os números de visitantes e tráfego podem aumentar. Nesse caso, hospedagens gratuitas ou compartilhadas podem não oferecer a estabilidade que o seu site precisa. Nesse caso, procure por suporte de desenvolvedores ou pelo host do seu site, e certifique-se de que o tráfego que você espera receber está compatível com a sua solução de hospedagem. 

    Além disso, indique que o seu site é seguro através do Certificado SSL, – aquele cadeado que aparece antes do ‘’www’’. Essa é a forma de garantir ao seu cliente que o ambiente está preparado para uma compra segura.

    checklist black friday

    3) Ofereça um método de pagamento seguro

    Outro cuidado fundamental é garantir que os processos de compras e transações online estejam operando normalmente e protegem as informações dos clientes. Para quem vende online é imprescindível contar com um gateway e intermediadores de pagamento. Essas soluções serão responsáveis por todo processo de compras, comunicação com instituições financeiras, conclusão e recebimento de pagamentos em segurança na internet. 

    Muitos clientes acabam não concluindo suas compras ao se depararem com processos instáveis e inseguros – e que não possuem um check-out transparente. Acrescente esses cuidados no seu checklist para Black Friday e comece a revisão dos seus processos!

    4) Invista em mobile  

    As vendas por mobile já estão em 2° lugar em número de compras e ocupam uma posição de destaque para diversos segmentos. Ter um app próprio que ofereça ainda mais praticidade e personalização aos clientes é uma boa opção.

    Para apostar nisso, é preciso encontrar uma plataforma que ofereça múltiplos recursos para personalização com a sua marca, recursos para divulgação de novidades e notificações push, uso de inteligência artificial e fácil gestão para administração dos pedidos e atualizações frequentes. Isso pode diminuir os custos de taxas com marketplaces e otimizar seu investimento com outras mídias

    5) Potencialize suas redes sociais 

    Existe uma competência ainda maior por trás das redes sociais quando operam em conjunto com todos os seus canais: elas podem ser responsáveis por turbinar suas estratégias, aumentar o tráfego e alcance das suas ações. 

    Com as atualizações mais recentes, redes como Instagram, Facebook e WhatsApp já se adequaram para a operação de vendas. Recursos como vitrine, shopping e marketplace permitem que diversas marcas iniciem e automatizem os seus processos de vendas pelas redes sociais. 

    Para potencializar suas redes sociais no período de Black Friday (e ao longo do ano), crie conteúdos de qualidade e que possibilitem interações. Aposte em uma identidade visual e explore os múltiplos formatos que cada rede oferece. Lembre-se de adicionar promoções e divulgações que sejam verdadeiras e que estimulem o tráfego para outros canais como sites, blogs, e etc. 

    +Como divulgar um blog e aumentar a visibilidade do seu conteúdo

    6) Acompanhe e aposte em novos recursos para experiências digitais

    Agora que você chegou até aqui, já sabe como montar um cheklist para a Black Friday e deve ter notado que todas as ações e estratégias valem para qualquer período do ano, não é mesmo? 

    Ao investirmos em presença digital, costumamos encontrar diversos benefícios que podem otimizar as nossas ações e nos tornar ainda mais eficazes para alcançar novos públicos e fidelizar contatos. 

    A principal tarefa de empreendedores que querem crescer no ambiente digital começa por trás de suas próprias ações: no acompanhamento de métricas e indicadores que quantificam seus esforços e promovem um entendimento completo do desempenho da sua marca na internet.

    Sites, lojas, e-mail marketing, apps e redes sociais promovem recursos essenciais para quem quer começar e identificar resultados tangíveis. Por isso, aposte em uma análise completa antes, durante e após suas ações. 

    E para garantir resultados a médio e longo prazo, esteja por dentro de novidades do mercado digital e aposte em recursos complementares e conectadas a todos os seus canais digitais. Dessa maneira você estará aumentando a experiência e engajamento dos seus clientes. 

    E então, curtiu nossas dicas? Montou o seu cheklist para a Black Friday? Continue acompanhando todas as novidades do Blog Locaweb e fique por dentro de novos insights para o seu projeto na internet.

    A Hospedagem de Sites da Locaweb garante o melhor desempenho do seu site na Black Friday!

    SAIBA MAIS
    Veja como preparar o seu site para a Black Friday com essas dicas incríveis!