Existem diversas opções de trabalho em casa com boas remunerações e melhor qualidade de vida. Confira aqui 15 exemplos!

Trabalho em casa. Nos últimos anos, mais que um desejo, a modalidade se tornou uma necessidade. Especialmente em razão da pandemia, que obrigou as pessoas a praticarem o distanciamento social.  

No entanto, mesmo após o período que pegou toda a população mundial de surpresa, uma parte considerável da força de trabalho continuou em regime home office

Uma pesquisa divulgada pela Folha de S.Paulo estima que, depois da pandemia, o trabalho em casa cresceu 53,5%. Chegou, assim, a alcançar a marca de 6,9 milhões de pessoas em 2022. 

Se você também quer saber como ganhar dinheiro trabalhando em casa, reunimos algumas opções e dicas para transformar essa ideia em realidade. Acompanhe! 

Navegue pelo índice

    Trabalho em casa vale a pena? 

    A resposta para essa pergunta é: sim!  

    Um estudo divulgado pela Fundação Getúlio Vargas (FGV), intitulado Tendências do home office no Brasil e publicado em março de 2023, apontou, entre outras questões, o seguinte: 

    • Em 2021, a produtividade aumentou em 21,6% nas empresas que aplicaram o home office em suas rotinas. 
       
    • No ano seguinte, esse percentual alcançou a marca de 30%. 

    O trabalho em casa pela internet possibilita, entre outros fatores que apresentaremos adiante, melhor gestão de tempo e mais disposição para desempenhar as atividades.  

    No entanto, existem outros benefícios agregados, que são obtidos pela não necessidade de deslocamento até outro local para trabalhar. 

    Diferenças de trabalho em casa: para empresas, freelancer e no seu próprio negócio 

    No entanto, há algumas diferenças entre trabalhar em casa para uma empresa ou ter seu próprio negócio. Por exemplo, existem milhares de organizações que contratam pessoas para trabalharem remotamente.  

    Nesse caso, quem atua assim deve seguir uma jornada de trabalho convencional, geralmente cumprindo oito horas diárias, fazendo uma pausa para o almoço e batendo ponto digitalmente. 

    Há, ainda, aqueles que trabalham como freelancers, oferecendo seus serviços para diferentes empresas. A pessoa consegue ter mais autonomia, mas precisa corresponder às expectativas de cada negócio que contrata suas atividades.  

    É possível determinar como e quando trabalhar, fazendo concessões para realizar reuniões em horário comercial, em pré-acordo com os clientes. 

    Por fim, há a possibilidade de ter o seu próprio negócio. Nesse caso, é fundamental contar com um número de cadastro nacional de pessoa jurídica (CNPJ), emitir notas fiscais, pagar impostos e considerar ou não contratar outras pessoas. 

    Abrir uma empresa, portanto, acaba precisando de uma maior responsabilidade, uma vez que, além de trabalhar em casa por conta própria, você ainda deve gerenciar todo um negócio. 

    Pensando nestes dois últimos exemplos, de freelancer e empreendedor, separamos 15 ideias de negócios para trabalhar em casa. Também mostramos quais são as vantagens e os cuidados de cada exemplo e como atuar nas áreas exemplificadas. Confira a seguir. 

    1. E-commerce próprio 

     
    Se você digitou no Google “trabalho em casa o que fazer?”, saiba que entre as opções está a de criar um e-commerce, ou seja, uma loja virtual

    Essa é uma das melhores formas de ganhar dinheiro trabalhando em home office. Entenda a seguir. 

    Vantagens de ter seu próprio e-commerce 

     
    A grande vantagem de ter seu próprio e-commerce é vender o resultado da sua arte, algum produto ou mesmo serviço com o qual você se identifique. 

    Outro benefício de apostar nessa modalidade de trabalho em casa é o potencial de escalabilidade.  

    Com o passar do tempo, você pode avaliar o quanto vende e se dá para expandir sua atuação, comercializando produtos similares a partir do que seus concorrentes vendem.  

    Também é possível analisar se a venda continuará sendo apenas para o Brasil ou fora dele. 

    Assim, chegamos a outra vantagem de ter a própria loja digital: a flexibilidade de gerenciamento. Você pode tocar o seu negócio da forma que achar melhor, no seu tempo. 

    Cuidados ao ter seu próprio e-commerce 

    Apesar de ser algo relativamente acessível, criar o próprio e-commerce não é tão simples. Isso porque é preciso ter alguma noção sobre logística e atendimento ao cliente.  

    Ou seja, quem serão seus fornecedores? E de que forma você enviará seus artigos aos consumidores? 

    Além disso, como será realizado o atendimento ao cliente: por quais canais e em quais horários? 

    É preciso se atentar, portanto, a uma série de fatores para que a sua loja digital funcione da melhor forma possível.  

    Também há várias pessoas atuam nesse segmento. Assim, existe uma competição acirrada, que deve ser considerada ao cogitar abrir uma empresa com essa finalidade. 

    Mas, com planejamento e organização, você pode tirar o sonho de ter seu próprio e-commerce do papel. 

    Como trabalhar com e-commerce 

    Para abrir o seu próprio e-commerce, você pode contar com serviços de hospedagem de sites, como o oferecido pela Locaweb. 

    Trata-se de um espaço dedicado ao seu projeto em um servidor fornecido pela Locaweb.  

    Nele, você poderá armazenar o seu site e todas as informações para o funcionamento dele, como textos, fotos e vídeos. 

    Na prática, é como se sua página realmente ficasse “hospedada” no servidor da Locaweb, que ficará encarregada de fazê-la funcionar enquanto ele estiver por lá.  

    Conte ainda com as vantagens adicionais de ter seu próprio domínio e certificado SSL grátis, com sites ilimitados e o melhor custo-benefício em relação a outros serviços semelhantes disponíveis no mercado. 

    No dia a dia, você precisa desenvolver uma rotina de trabalho, incluindo fatores como gerenciamento de estoque, acompanhamento das vendas, atendimento ao cliente e marketing digital. 

    2. Freelancer de redação 

     
    Gosta de escrever e trabalha com isso? Uma das formas de ganhar dinheiro trabalhando de casa é como freelancer de redação e copywriting. A rotina envolve pesquisa, redação e revisão de textos. 

    Empresas e pessoas físicas tendem a requisitar serviços relacionados, geralmente para a produção de conteúdos para a internet, como blog posts, materiais ricos, e-mails, social posts, anúncios etc. 

    Vantagens de trabalhar em casa como freelancer de redação 

     
    Trabalhar como freelancer de redação proporciona vantagens como flexibilidade de horários, uma vez que você trabalha na hora que tiver disponibilidade.  

    Também é possível fazer contratos por projeto ou por tempo determinado, com potencial para ganhos elevados. 

    Sem dúvidas, o grande benefício aqui é atuar de maneira independente, sem vínculos diretos com organizações. 

    Cuidados ao trabalhar em casa como freelancer de redação 

     
    Assim como criar um e-commerce, trabalhar criando conteúdos em geral é um mercado com forte competição.  

    Portanto, saiba divulgar bem o seu trabalho, para ampliar sua carteira de clientes e fidelizar os que já tem. 

    Como trabalhar com redação freelancer 

     
    Encontre clientes por meio de plataformas freelancer ou use as redes sociais ao seu favor, divulgando exemplos de trabalhos para seu círculo de contatos.  

    Outra medida que contribui para que você atraia possíveis clientes é criar um portfólio online.  

    Nele, publique trabalhos assinados ou de sua autoria, com autorização prévia das empresas e pessoas para as quais trabalhou. 

    Mulher branca com cabelos ruivos e cacheados está na frente de um notebook. Há um microfone profissional entre ela e o equipamento. Ela usa fones de ouvido. Está em um ambiente claro. 

    Profissionais de diferentes segmentos de atuação e níveis de especialidade podem trabalhar em casa, oferecendo diversos serviços. 

    3. Consultoria online 

     
    Depois de trabalhar por muito tempo em uma área, você desenvolve certa expertise sobre determinado assunto.  

    Por exemplo, quem atua com finanças pode oferecer consultoria online, instruindo pessoas a construir um planejamento financeiro. 

    Vantagens de oferecer consultoria online 

     
    Um dos principais benefícios é ver sua experiência sendo valorizada. Ao mostrar ao mundo o que sabe, você colhe esse resultado indireto, que faz bem para a autoestima. 

    Uma vantagem adicional é ter um potencial para altos ganhos por hora, uma vez que é possível cobrar por tempo de consultoria oferecida.  

    Além disso, é possível trabalhar no seu ritmo, com flexibilidade de dias e horários. 

    Cuidados ao oferecer consultoria online 

     
    Aqui, é preciso trabalhar em sua marca pessoal. Desse modo, o maior foco do seu trabalho deve ser na capacidade de construir uma reputação

    Contar com uma rede de pessoas que possam indicar você é essencial, já que encontrar clientes iniciais tende a ser desafiador. 

    Como trabalhar em casa com consultoria online 

     
    Qualquer profissional pode ter a oportunidade depassar o seu conhecimento adiante.  

    Marketing, Educação Física, Psicologia, Comunicação, Administração… São infinitas as possibilidades de atuação e assuntos para tanto! 

    A rotina de atividades tende a incluir, mas não se limita a preparar materiais, realizar as sessões de consultoria e fazer o acompanhamento pós-consulta. 

    O importante é oferecer o serviço em sua área de especialização, que pode acontecer presencialmente, quando for oportuno, mas sobretudo via videoconferências e e-mails.  

     
    4. Desenvolvimento remoto de software 

    Essa é uma área com bastante potencial, atuando tanto para empresas nacionais quanto para internacionais, o que amplia as possibilidades de ganho em outras moedas.  

    É o que apontou a pesquisa Profissionais de tecnologia no Brasil em 2021 da Revelo, organização que atua no mercado de recrutamento e seleção.  

    O estudo contou com a participação de 33 mil profissionais de tecnologia, incluindo pessoas desenvolvedoras.  

    Na ocasião, foi divulgado o seguinte: especialmente durante a pandemia, entre 2020 e 2021, a distribuição de profissionais aumentou em 50% por todo o Brasil, em especial na modalidade remota. 

    Vantagens de desenvolver programas remotamente 

     
    Com a adoção crescente de tecnologias no processo de transformação digital pelo qual uma parcela considerável das empresas passou nos últimos anos, há uma grande demanda por habilidades de programação. 

    Na mesma medida, existe um potencial para receber altos salários, tanto em real quanto em dólar e outras moedas estrangeiras. A modalidade ainda favorece o trabalho em casa de forma independente. 

    Cuidados ao desenvolver programas remotamente 

     
    No entanto, alguns pontos de atenção precisam ser mencionados. Por exemplo, a pressão por cumprir prazos, geralmente curtos, ao criar ou atualizar programas.  

    E, com o avanço tecnológico cada vez mais rápido, para atuar profissionalmente nessa área é preciso se manter atualizado. Tanto em linguagens de programação quanto em outros idiomas. 

    Como trabalhar com desenvolvimento remoto de software 

     
    No geral, a pessoa que atua no desenvolvimento de software de casa geralmente tem como foco da sua rotina a criação de códigos, individualmente ou em colaboração com equipes virtuais. Outra atividade bastante comum no meio é a realização de testes de software. 

    Há, ainda, uma alternativa para atuar com desenvolvimento, que é saber como criar um site

    Assim como trabalhar em casa em posições de redação, por exemplo, nesta é válido encontrar oportunidades em plataformas de freelancers.  

    Outra forma de buscar projetos e vagas é em sites de empregos remotos. Ou, ainda, ser indicado por seu círculo de contatos.  

     
    5. Marketing de afiliados 

    O marketing de afiliados pode ser entendido como uma estratégia em que uma empresa recompensa pessoas afiliadas a cada cliente ou visitante obtido a partir de indicação.  

    Assim, é possível ganhar dinheiro promovendo produtos ou serviços, mas sem criar ou gerenciar o seu próprio. 

     
    Vantagens de atuar com marketing de afiliados 

    Trabalhar em casa nessa modalidade pode significar descobrir como ganhar dinheiro na internet de modo passivo. 

    Ou seja, em algumas situações, não é preciso ficar se dedicando a todo o momento, uma vez que basta fazer uma divulgação pontual e verificar sua evolução. 

    Esse último ponto sugere outra vantagem, que é a de flexibilidade. É a pessoa afiliada quem vai determinar os dias e horários em que deseja se dedicar à atividade. 

    No entanto, quanto maior for o seu esforço, maiores serão as suas possibilidades de vendas, o que tende a aumentar os lucros. 

    Outro benefício do marketing de afiliados é a diversidade de produtos e serviços para promover, de forma simultânea ou trocada de tempos em tempos.  

    Cuidados ao atuar com marketing de afiliados 

     
    Assim como a consultoria ou qualquer outra atividade independente, é fundamental ter uma audiência cativa ou lista de e-mails. Sem pessoas que consumam sua informação, suas vendas online não vão aumentar.  

    Outro ponto negativo diz respeito à variação nos ganhos. Dessa forma, pode ser que em um mês se ganhe mais ou menos comissões. Isso gera a necessidade de manter uma reserva financeira para eventuais emergências. 

    Como trabalhar com marketing de afiliados 

     
    Basicamente, a pessoa afiliada promove os produtos ou serviços de uma empresa em seus próprios canais, como site, blog, redes sociais, e-mail marketing ou usando uma plataforma de vendas online

    Na sequência, quando alguém clica no link e realiza uma compra, ela recebe uma comissão, que ocorre de várias formas, como um percentual do valor da venda ou um fixo por ação realizada. 

    Para começar nessa área, inscreva-se em programas de afiliados de empresas. O trabalho diário pode envolver, entre outras atividades, a pesquisa por produtos e serviços, a criação de conteúdo promocional e a análise de métricas de conversão para entender o que funciona ou não em termos de indicações e vendas. 

     
    6. Assistente virtual 

    Essa modalidade de trabalho em casa cresceu ao longo dos últimos anos, especialmente depois da pandemia. Isso porque tanto grandes quanto pequenas empresas precisaram se adequar ao distanciamento social e requisitar serviços assim de qualquer parte do Brasil. 

    Geralmente, quando se fala nesse termo, é comum associar com recursos tecnológicos, tais como as assistentes virtuais desenvolvidas por big techs, como a Alexa, da Amazon, ou a Siri, da Apple. No entanto, também existem pessoas reais que atuam dessa forma. 

    Vantagens de trabalhar como assistente virtual 

     
    Uma das principais vantagens dessa modalidade de emprego em casa é a diversidade de tarefas que podem ser realizadas. Algumas precisam de especialização prévia, como agentes financeiros ou contadores.  

    No entanto, quando uma pessoa ou empresa precisa de alguém para lhe auxiliar com atividades administrativas do dia a dia, por vezes não é necessária uma qualificação. Basta que quem atua dessa forma tenha habilidades de organização, planejamento e gestão de tempo. 

    Outros benefícios associados a esse segmento de atuação são a flexibilidade de horários e o potencial para trabalhar com vários clientes simultaneamente, o que tende a ampliar a margem de lucro. 

    Cuidados ao trabalhar como assistente virtual 

    Como mencionado anteriormente, a organização é essencial aqui. E não só da própria rotina de trabalho, mas também das demandas de seus clientes.  

    Vamos tomar como exemplo o caso de alguém que atue como assistente de uma empresa e fique encarregado das contas a pagar.  

    Essa pessoa precisa ter em mente e de forma planejada todos os vencimentos e valores, para evitar que algo seja pago fora do prazo e haja a incidência de juros. 

    Sem organização, pode aparecer outro ponto de atenção: a sobrecarga de trabalho. Ou seja, quanto maior for o planejamento, maiores serão as chances de sucesso nessa empreitada. 

    Como trabalhar na modalidade de assistente virtual 

     
    A rotina tende a variar conforme as necessidades de cada cliente, mas geralmente envolve comunicação constante e execução de tarefas administrativas.  

    Entre elas, destacam-se gerenciamento de e-mails, agendamento de compromissos e pesquisas online, entre outras. 

    Nesse sentido, quem tiver interesse em atuar como assistente virtual pode oferecer seus serviços usando seu próprio site ou suas redes sociais. 

    Também é possível receber indicações de seu círculo profissional e/ou pessoal. 

    Mulher careca sorri diante de computador. Há uma xícara de café ao lado do computador. O ambiente é claro. 

    Os serviços feitos de forma remota e digital são infinitos. Uma das modalidades é oferecer assistência virtual para pessoas e empresas. 

    7. Aulas particulares 

    Se você já fez uma licenciatura ou mesmo outra formação acadêmica e acredita que tem chances de dar aulas ou criar um curso online, isso é possível de fazer trabalhando no conforto do seu lar. 

    Vantagens de dar aulas particulares 

    Um dos pontos positivos é ajudar outras pessoas. Quem, além de trabalhar, precisa se manter constantemente motivado em prol de terceiros pode ter nesse ofício uma dupla vantagem. 

    Assim como em outras funções, flexibilidade de horários e ganhos adicionais também fazem parte da realidade daqueles que atuam dando aulas particulares online.  

    Isso porque não há um limite de estudantes a auxiliar. Quem vai determinar a quantidade e o tempo dedicado é você! 

    Cuidados ao dar aulas particulares 

    Como já é esperado nessa função, há uma necessidade de criar materiais didáticos, para além dos materiais de apoio que estudantes já apresentem a quem dá as aulas.  

    Uma questão adicional que pode surgir é a competição com outras plataformas de ensino online. Hoje, existem diversas delas, uma vez que a modalidade de Ensino a Distância (EAD) expandiu nos últimos tempos.  

    Para você ter uma ideia, o EAD cresceu 474% em uma década, segundo dados do Censo da Educação Superior 2021.  

    Somente naquele ano, mais de 3,7 milhões de pessoas se matricularam em cursos feitos remotamente. 

    Como trabalhar com aulas particulares 

     
    Você pode dar aulas particulares em sua área de expertise usando plataformas de tutoria online, redes sociais ou seu próprio site.  

    Como mencionado antes, sua rotina vai incluir a preparação de aulas e a interação com estudantes, além de feedbacks sobre o progresso de cada pessoa. 

     
    8. Design gráfico freelancer 

    Aprendeu design autodidaticamente ou fez uma graduação na área e deseja ampliar seus ganhos? Uma maneira é trabalhar em casa como designer gráfico freelancer. 

    Vantagens de trabalhar com design gráfico freelancer 

    Quem trabalha com criatividade no geral tem a vantagem de atuar de forma independente. Isso também ocorre com quem deseja trabalhar com design gráfico de forma autônoma.  

    Dessa maneira, além de ter mais liberdade, você pode ver sua expertise sendo valorizada. 

    E não há um limite de projetos para pegar, o que confere maior potencial de ganhos, bem como de flexibilidade em termos de tempo dedicado à atividade. 

    Cuidados ao trabalhar com design gráfico freelancer 

     
    Como o mercado está aquecido, é natural que haja competitividade para quem atua como designer gráfico, o que acaba sendo um ponto negativo. 

    E, assim como no desenvolvimento web, nesta aqui também há certa pressão para entregar vários projetos em prazos curtos, o que pode gerar uma sobrecarga de trabalho.  

    Sem contar que é preciso se manter constantemente atualizado em termos de conhecimentos técnicos e ferramentas usadas no dia a dia profissional. 

    Como trabalhar com design gráfico freelancer 

     
    Nesse caso, é possível promover os serviços oferecidos em plataformas online, redes sociais ou sites especializados.  

    Entre as principais atividades desenvolvidas por quem trabalha com design gráfico freelancer está a criação de logotipos, infográficos, artes para redes sociais e layouts de sites. 

    9. Streamer 

    Não é de agora que meios de comunicação tradicionais, como a TV, têm perdido espaço para novas formas de entretenimento.  

    É o caso dos serviços de streaming, que aumentaram em mais de 21% apenas entre os anos de 2021 e 2022, segundo dados de um levantamento conduzido pela consultoria Nielsen.  

    Nesse último ano, esse aumento correspondeu a 32% do tempo total de emissoras de televisão. 

    O que se observa, na mesma medida, é que muitas pessoas têm apostado nesse segmento, criando seus canais em plataformas como oYouTube. 

    Esse contexto ampliou a possibilidade de trabalhar em casa como streamer. 

    Vantagens de atuar como streamer 

    Mais uma vez, a valorização da criatividade desponta como vantagem nessa modalidade de trabalho.  

    Além disso, existe potencial para construir uma audiência engajada, dependendo do tema que você escolher tratar. 

    Não apenas a plataforma monetiza por visualização ou tempo dedicado ao vídeo, bem como as propagandas que podem ser incorporadas. 

    Cuidados ao atuar como streamer 

    Um dos principais pontos de atenção é a dificuldade inicial para construir uma base de seguidores.  

    Isso porque é preciso que as pessoas se engajem com seu conteúdo para, consequentemente, ampliar as chances de ter mais visibilidade, atraindo, inclusive, potenciais anunciantes. 

    Como trabalhar na posição de streamer 

     
    Gosta de correr ou fazer sua arte? É possível criar conteúdo em vídeo sobre um nicho específico em plataformas como YouTube e Twitch. Mas não vá achando que é uma atividade simples!  

    Entre as tarefas que você precisará realizar nesse contexto estão o planejamento de conteúdo, a produção dos vídeos, a interação com sua audiência — respondendo comentários e mensagens diretas — e a análise de métricas de desempenho. 

    Mulher parece falar diante de um computador. Há um suporte com um celular e um microfone profissional ao redor dela. O ambiente há simples, mas há diversos objetos sobre a mesa de trabalho. 

    Se você tem um hobby, pode ampliar suas possibilidades de ganhos transformando a sua arte em vídeo e, dessa forma, atuar como streamer. Já pensou?

    10. Tradução online 

    Essa é outra forma de trabalhar em casa usando seu conhecimento adquirido. Se você domina algum idioma além do português, oferecer serviços de tradução é uma possibilidade. 

    Vantagens de trabalhar com tradução online 

    Várias organizações precisam dos serviços de pessoas tradutoras qualificadas: editoras de livros, instituições de ensino e companhias em processo de internacionalização.  

    Portanto, há um grande potencial para trabalhar com uma variedade de segmentos e idiomas! 

    É você quem vai determinar prazos de entrega para as traduções, tendo flexibilidade e autonomia frente aos projetos que tocar.  

    Cuidados ao trabalhar com tradução online 

     
    Além da pressão natural por prazos, uma peculiaridade nesse trabalho é a grande competição. E não só de profissionais brasileiros, como de outras nacionalidades. 

    Como trabalhar com tradução online 

    Você pode oferecer seus serviços em plataformas freelancer. Outra possibilidade é apresentar seus trabalhos diretamente para agências ou empresas.  

    Entre as principais atividades desenvolvidas estão a tradução e revisão de textos, para se certificar de que tudo foi feito com excelência.  

    Além disso, é preciso manter clientes atualizados sobre o andamento das tarefas, tirando eventuais dúvidas que surgirem. 

    11. Revenda de hospedagem de sites 

    A revenda de hospedagem de sites é uma opção rentável na qual a pessoa empreendedora  age como um intermediário, que compra o produto e revende espaço de hospedagem de sites e contas de e-mails para seus clientes. Ela também pode ofertar serviços de web design, administração e suporte. 

    Vantagens de trabalhar com revenda de hospedagem de sites 

    Ao atuar com revenda de hospedagem de sites, você atende às necessidades de pequenas empresas, agências de desenvolvimento web e de publicidade, profissionais de design e freelancers que trabalham com a criação de diferentes tipos de site. 

    Aqui na Locaweb, cuidamos da infraestrutura e da parte operacional da sua revenda, enquanto você se preocupa apenas em gerenciar os planos de hospedagem que têm, administrando a distribuição dos recursos oferecidos entre os seus clientes. 

    Cuidados ao trabalhar com revenda de hospedagem de sites 

    Com a revenda de diversas hospedagens é possível gerenciar recursos, como sites, contas de e-mail, bancos de dados e backups.  

    Para isso, é necessário possuir algum conhecimento técnico prévio para melhor atender o seu público.  

    Como trabalhar com revenda de hospedagem de sites 

    A Revenda de Hospedagem Locaweb possui um painel de controle próprio, feito para você gerenciar seus planos de hospedagem com facilidade, administrando contas e recursos em um painel que foi desenvolvido para as necessidades de um revendedor. 

    Quer saber se esse produto é uma alternativa para você trabalhar em casa? Confira para quem indicamos a Revenda de Hospedagem

    12. Gestão de mídias sociais 

    Com a internet sendo considerada um elemento essencial para impulsionar os negócios, o gerenciamento de redes sociais passou a ter uma demanda cada vez maior. 

    Vantagens de trabalhar na gestão de mídias sociais 

     
    Atualmente, existe uma alta demanda por habilidades de marketing digital, inbound marketing e marketing de conteúdo. 

    As redes sociais são vistas como canais essenciais para divulgar negócios. Nesse sentido, há um potencial para trabalhar com uma variedade de clientes para quem tem expertise na área. 

    Cuidados ao trabalhar na gestão de mídias sociais 

     
    Por ser um ambiente dinâmico, com regras que transformam as redes sociais de forma contínua e rápida, é preciso se qualificar constantemente.  

    Além disso, quem atua na gestão de mídias sociais precisa estar por dentro das tendências em termos de formatos de conteúdo. 

    Outra questão está relacionada à habilidade de lidar com clientes exigentes e prazos curtos. 

    Como trabalhar com gestão de mídias sociais 

    Entre os serviços mais requisitados de quem faz a gestão de redes sociais, estão: 

    • Planejamento de calendários e pautas. 
       
    • Criação de conteúdos. 
       
    • Publicações e agendamento de postagens. 
       
    • Análise de métricas de desempenho.  
       
    • Interação com seguidores. 

    Nesse caso, o dia a dia de trabalho tende a variar, dependendo das necessidades de cada cliente.  

    No entanto, entre as questões que devem guiar a pessoa gestora de mídias sociais está o planejamento estratégico e a execução de campanhas de marketing

     
    13. Digital influencer 

    Uma das principais formas de trabalho em casa para ter uma renda extra é se tornar digital influencer. 

    É possível tratar sobre uma infinidade de temas com os quais você tenha afinidade. E, com o passar do tempo, ganhar reconhecimento e dinheiro com isso. 

    Uma pesquisa feita pela consultoria Nielsen apontou que até 2022 existiam no Brasil cerca de 500 mil pessoas influenciadoras.  

    Na ocasião, a estimativa era superior às de profissionais de engenharia civil (455 mil) e medicina (502 mil). 

    Vantagens de ser digital influencer 

     
    Vamos supor que você queira se tornar uma pessoa influenciadora divulgando dicas de viagem nas redes sociais ou em um blog próprio.  

    Se tiver tempo e recursos para tanto, é possível ter o benefício de explorar diferentes lugares e compartilhar suas experiências. 

    Outra vantagem de atuar como influencer é a de monetizar seu conteúdo por meio de parcerias e publicidade, além da monetização que seja fruto da própria plataforma.  

    O YouTube, por exemplo, geralmente paga pelas visualizações que um canal recebe a cada vídeo publicado; porém, é preciso se adequar às regras para faturar dessa forma. 

    Cuidados ao ser digital influencer 

     
    Diante da imensidão de pessoas que atuam nessa mesma posição, é preciso contar com bastante criatividade para manter seus canais atualizados.  

    Assim, produzir conteúdo de qualidade é uma condição essencial para ter sucesso ao trabalhar em casa dessa maneira.  

    Além disso, saber como criar um blog e dominar a arte de manter suas redes sociais atualizadas são pré-requisitos, porém, na mesma medida, desafiadores. 

    Como trabalhar como digital influencer 

     
    Entre as tarefas comuns na vida de quem se torna um influenciador digital estão o planejamento e a criação de conteúdo, além da edição de vídeos e fotos.  

    Outro ponto importante é manter seu público engajado. Isso é possível por meio da interação com a comunidade de seguidores. 

    Basta escolher em quais plataformas você vai trabalhar um blog, as redes sociais e/ou o YouTube — para compartilhar suas dicas e experiências.  
     

    Mulher parece dar aulas de yoga via internet. Ela está sentada no chão, sobre um tapete e com uma garrafa de água por perto. Um celular apoiado em um tripé filma os seus movimentos. 
    Atuar como digital influencer tem sido o desejo de uma parcela considerável de pessoas. E o Brasil é um dos países que mais tem gente trabalhando em casa dessa forma.

    14. Serviço de otimização de SEO 

    A pessoa que trabalha com Search Engine Optimization (SEO) fica responsável por melhorar a visibilidade e o ranqueamento de páginas nos principais sites de busca. Tudo de forma orgânica, ou seja, sem o apoio de mídia paga. 

    Vantagens de trabalhar com serviço de otimização de SEO 

    Atualmente, esse tipo de trabalho é requisitado por empresas de diferentes portes e segmentos no mercado. Ou seja, você provavelmente terá bastante demanda. 

    Pessoas físicas e jurídicas estão constantemente em busca de profissionais para melhorar o tráfego orgânico de seus sites, blogs e e-commerces. 

    Um fator positivo é o alcance global: você pode ter clientes tanto no Brasil quanto no exterior, trabalhando no seu ritmo, em dias e horários compatíveis. 

    Cuidados ao trabalhar com serviço de otimização de SEO 

     
    Para obter resultados expressivos de forma orgânica, o fator tempo deve ser levado em conta. E nem todo cliente entenderá esse ponto.  

    Além disso, os motores de busca constantemente alteram as regras de funcionamento dos algoritmos, então quem atua nessa área precisa se atualizar. 

    Como trabalhar com serviços de otimização de SEO 

    Inicie na área aprendendo as principais técnicas em torno da otimização de conteúdos. 

    Pratique melhorando os textos e as imagens de seus próprios espaços na internet, como blogs e sites institucionais. 

    Além disso, tenha em mente a necessidade de construir uma rede de contatos para lhe recomendar a potenciais projetos e trabalhos independentes na área. 

    Outro fator interessante é obter certificações e, de forma independente, oferecer seu serviço nas redes sociais ou a empresas conhecidas. 

    15. Marketing digital 

    No marketing digital, você poderá desenvolver, para além de conteúdos, campanhas, inclusive as de mídia paga.  

    Peças gráficas, fotos e vídeos podem entrar aqui, além de toda a estratégia para impulsionar marcas e pessoas no ambiente online. 

    Vantagens de trabalhar com marketing digital 

     
    A principal delas é a possibilidade de trabalhar com clientes de diferentes partes do país e até de fora dele.  

    Além disso, o marketing digital tem custos mais acessíveis, se comparado ao que é feito no mundo físico.  

    Isso tende a reduzir os custos de produção e, consequentemente, aumentar sua margem de lucro. 

    Cuidados ao trabalhar com marketing digital 

     
    Ao trabalhar com marketing digital, a pessoa precisa estar atenta a qualquer tipo de mudança em termos de plataformas e tecnologias usadas.  

    Por exemplo, com o uso cada vez mais frequente de Inteligência Artificial (IA), é prudente buscar qualificação para saber operacionalizá-la em sua rotina profissional. 

    Além disso, é uma área marcada por uma imensa quantidade de pessoas, fator que faz com que a competitividade seja acirrada. 

    Como trabalhar com marketing digital 

    Um grande diferencial competitivo em um profissional de marketing digital é o fato de se atentar a fatores como planejamento de ações. 

    Entenda as dores do seu cliente e as relacione com os objetivos traçados para o sucesso do negócio. 

    Também é preciso colocar em prática as ações desenhadas em conjunto, além de realizar o devido monitoramento usando ferramentas como o Google Analytics. 

    Como escolher o trabalho de casa? 

    Antes de buscar por empregos que permitam o trabalho em casa, é fundamental refletir bem. Para facilitar, indicamos alguns passos a seguir para escolher o que for melhor para seus interesses e rotina. 

    Faça uma autoavaliação de habilidades e interesses 

     
    Antes de decidir trabalhar remotamente, é essencial avaliar suas habilidades e interesses, além de experiências. 

    Somente assim você pode garantir que vai escolher um campo ou uma função de acordo com suas competências e seus gostos. 

    Entre os fatores que podem ajudar nesse processo, estão: 

    • Faça uma lista das habilidades técnicas que você tem e que sejam relacionadas à sua área. Considere também expertises transferíveis, como de comunicação, resolução de problemas e trabalho em equipe. 
       
    • Analise suas experiências profissionais anteriores e identifique quais tarefas e responsabilidades realizou com sucesso. É preciso honestidade: reveja quais aspectos você mais gostou e em quais áreas teve destaque. 
       
    • Pense sobre o que desperta sua paixão, considerando passatempos e atividades extracurriculares. 
       
    • Reconheça suas principais qualidades, bem como áreas em que você pode precisar de melhorias. Aproveite e peça feedbacks de colegas ou pessoas mentoras a respeito de suas habilidades e seu desempenho. 
       
    • Reflita sobre seus valores pessoais e profissionais, assim como seus objetivos de carreira. 
       
    • Realize avaliações de habilidades online. Faça testes de personalidade e questionários de interesse profissional para obter insights a respeito de suas aptidões. 
       
    • Escreva! Mantenha um diário para registrar reflexões e descobertas ao longo do processo de autoavaliação. 

    Pesquise o mercado de trabalho 

     
    Outra dica que vai ajudar você a decidir como trabalhar em casa é fazer uma pesquisa de mercado.  

    Por meio dessa ação, é possível identificar setores ou áreas que oferecem oportunidades para atuar remotamente.  

    Para tanto, você deve: 

    • Buscar em sites de empregos remotos, como Catho ou LinkedIn. 
       
    • Usar filtros de pesquisa para refinar os resultados conforme a área de interesse, nível de experiência, tipo de trabalho e localização geográfica. 
       
    • Conhecer empresas que apoiam o trabalho remoto, como as de tecnologia, startups e de serviços, que contem com políticas flexíveis. 
       
    • Acompanhar empresas remotas nas redes sociais e inscrever-se em suas listas de e-mail para receber atualizações sobre oportunidades. 
       
    • Participar de comunidades online, como grupos em redes sociais e fóruns de discussão. 
       
    • Conectar-se com profissionais que já trabalham remotamente em sua área de interesse e pedir insights sobre empresas que contratam nesse modelo. 

    Avalie sua estabilidade financeira 

     
    Um dos fatores que pode determinar o sucesso ou fracasso em trabalhar remotamente é a organização financeira.  

    Geralmente, quem atua dessa forma tende a apostar em contratos com tempo determinado e projetos freelancers. Ou seja, a fonte de renda é instável e precisa ser acompanhada de perto. 

    Por isso, é preciso, antes de tudo,analisar sua situação financeira atual e entender se trabalhar remotamente atenderá às suas necessidades. Descubra a média mensal dos seus gastos, sobretudo os considerados recorrentes. 

    Outro ponto importante é manter uma reserva de emergência, considerando entre três meses e um ano de trabalho. Assim, em caso de baixa demanda ou imprevistos, você terá a que recorrer. 

    Defina metas de carreira 

     
    Para estabelecer metas de curto e longo prazo em sua carreira profissional e entender como o trabalho remoto se encaixa em seus objetivos, é possível: 

    • Definir metas realistas, que você deseja alcançar em diferentes períodos, de acordo com os recursos disponíveis em cada momento.  
       
    • Tornar suas metas específicas e mensuráveis para acompanhar seu progresso. Por exemplo, em vez de dizer “Quero ser melhor em marketing”, é possível falar “Quero aumentar minha taxa de conversão em 20% nos próximos seis meses”. 
       
    • Analisar regularmente suas metas e identificar aquelas que são mais importantes e urgentes para você.  
       
    • Criar um plano detalhado que descreva as etapas específicas para alcançar suas metas, como novas habilidades, oportunidades de aprendizado e expandir a rede profissional, entre outras. 
       
    • Estipular prazos realistas para suas metas, dividindo-as em marcos menores e indicando datas de conclusão para cada um. 
       
    • Avaliar seu progresso em direção às suas metas e fazer ajustes sempre que preciso. E não se esqueça de celebrar suas conquistas! 
       
    • Por fim, ser flexível e adaptável, ajustando suas metas conforme sua carreira evolui. 

    Faça networking 

     
    Mesmo trabalhando remotamente, é importante manter e expandir sua rede de contatos profissionais.  

    Dedique tempo para desenvolver relacionamentos por meio de redes sociais, grupos online e eventos de networking.  

    Por fim, siga estas dicas: 

    • Identifique as pessoas que já estão na sua rede de contatos, como colegas de trabalho, amigos, familiares, ex-colegas de escola ou faculdade. Elas servem como ponto de partida. 
       
    • Participe de grupos e eventos relacionados à sua área, sejam eles presenciais, sejam virtuais. Como exemplos, podem ser citados encontros, grupos no LinkedIn e fóruns online, entre outros.  
       
    • Tenha proatividade e autenticidade, demonstrando interesse genuíno em conhecer outras pessoas e em aprender sobre suas experiências e interesses. Além disso, compartilhe seus próprios conhecimentos. 
       
    • Mantenha contato e cultive relacionamentos. Por exemplo, vale enviar um e-mail após um evento, conectar-se nas redes sociais ou marcar encontros para um café. 
       
    • Ofereça ajuda e apoio sempre que possível. Dê conselhos ou introduza pessoas que possam se beneficiar umas das outras. Ser um recurso valioso para os outros fortalece seus relacionamentos e constrói sua reputação profissional. 
       
    • Seja paciente e persistente. Não espere resultados imediatos. Invista tempo e esforço na arte do networking. 
       
    • Mantenha um registro de suas interações, incluindo os contatos que você fez, as conversas que teve e os próximos passos a serem tomados. Isso ajuda a acompanhar seu progresso e a se organizar. 

    Saiba precificar seus produtos e serviços 

     
    Esse fator é de suma importância, em especial para quem não vai trabalhar com um contrato de trabalho para terceiros.  

    E, mesmo nesse caso, é preciso pensar bem e saber qual é o valor do seu trabalho, em termos de dinheiro. 

    Porém, são muitas as variáveis que precisam ser consideradas nesse contexto.  

    É essencial saber vencer a vergonha e não ter medo de pedir um valor específico. Ainda mais quando se tem experiência de sobra para agregar na atividade que será desempenhada. 

    Saiba que existem algumas diferenças nas modalidades de renda possíveis de serem obtidas trabalhando em casa: 

    • Renda ativa: aqui entram salários, comissões e outros direitos trabalhistas referentes ao esforço realizado durante o seu trabalho. 
       
    • Renda passiva: pode estar relacionada a materiais e infoprodutos criados e que, com o passar do tempo, vão sendo vendidos. 
       
    • Renda extra: a pessoa pode, por exemplo, atuar gerenciando redes sociais e, em paralelo, participar de um programa de afiliados. 

    Agora, confira algumas dicaspara precificar adequadamente o fruto do seu trabalho em casa: 

    • Avalie custos de vida e despesas comerciais, como moradia, alimentação, transporte e saúde, materiais, equipamentos, softwares e despesas administrativas. 
       
    • Considere sua experiência, habilidades e conhecimentos na sua área de atuação, incluindo formação acadêmica, treinamento profissional, certificações e trabalhos realizados. 
       
    • Pesquise o mercado para entender quanto outros profissionais que oferecem serviços semelhantes estão cobrando. 
       
    • Calcule seu valor por hora ou projeto, considerando despesas, experiências e, ainda, o quanto você deseja ganhar. A complexidade da tarefa, o prazo de entrega, o valor agregado para o cliente e a concorrência no mercado servem como parâmetros adicionais. 
       
    • Ofereça diferentes opções de preços para seus serviços, como pacotes básicos e premium, ou cobrança por hora versus projeto, atraindo mais clientes. 
       
    • Reavalie seus preços com o passar do tempo e conforme necessário, garantindo que permaneçam competitivos e justos. 

    Ajuste a rota sempre que for preciso 

     
    Uma vez que você comece a trabalhar remotamente, faça um acompanhamento regular do seu progresso e esteja preparado para se adaptar às mudanças e aos desafios que surgirem. 

    Esteja aberto a aprender com a experiência e a ajustar sua abordagem de acordo com o necessário. 

    Cuidados e dicas para trabalhar em casa 

     
    Separamos as principais dicas para trabalho em casa. Prepare-se para iniciar sua jornada profissional remota! 

    Avalie seu ambiente de trabalho em casa 

     
    Trabalhar em casa não é simplesmente se sentar na cadeira de jantar e usar a mesa de refeições para tanto. Pode até parecer simples, mas, com o tempo, esse ambiente que não foi projetado para essa finalidade tende a prejudicar sua saúde física e mental

    Nesse sentido, é fundamental considerar espaço físico, privacidade — caso você more com outras pessoas — e conforto. Incluem-se, ainda, acesso a equipamentos de escritório, tais como cadeira e mesa adequadas. 
     

    Mulher loira de meia-idade encostada na bancada de uma cozinha. Ela toma café enquanto olha o celular. 

    Saber separar o trabalho da rotina doméstica é fundamental para conseguir trabalhar em casa e manter a saúde física e mental em ordem. 

    Estabeleça uma rotina de trabalho em casa consistente 

     
    Quem vai atuar por conta própria precisa ter uma rotina, ainda que não trabalhe conforme a modalidade de Consolidação das Leis do Trabalho (CLT) e precise seguir horários ou bater ponto.  

    O fato de se planejar para trabalhar auxilia seu cérebro a criar disciplinae, com isso, manter o foco e a organização. 

    Portanto, é prudente definir horários regulares para iniciar e encerrar o trabalho, assim como para fazer pausas ao longo do dia. 

    Desenvolva habilidades de comunicação e colaboração 

     
    Trabalhar remotamente requer habilidades avançadas tanto no que diz respeito à comunicação quanto à colaboração.  

    Por isso, faça uma autoavaliação honesta das suas competências e adapte-se a ferramentas e plataformas online. 

    Para desenvolver essas soft skills você pode: 

    • Praticar a escuta ativa, dando atenção ao que os outros têm a dizer. Para tanto, faça perguntas, demonstre empatia e evite interrupções. 
       
    • Aprimorar suas habilidades de expressão, trabalhando em fatores como clareza e precisão ao comunicar suas ideias. Isso é possível ao usar uma linguagem simples e direta. 
       
    • Aprender a dar feedback construtivo de maneira objetiva e respeitosa. Reconheça o trabalho de outras pessoas e ofereça sugestões para melhorias. 

    Aprenda a fazer a gestão do tempo 

     
    Trabalhar em casa exige disciplina extra para gerenciar o tempo e manter a produtividade. Mas, caso você precise aprimorar suas habilidades nesses quesitos, é interessante adotar algumas estratégias. Entre elas, estão: 

    • Estabeleça prioridades ao realizar tarefas, das mais importantes e urgentes para as com menor atenção em determinado momento. Isso ajudará a dedicar foco e energia ao que realmente é preciso fazer. 
       
    • Use a técnica Pomodoro ou a matriz de Eisenhower. Faça uma lista de atividades diárias ou semanais e aloque tempo específico para cada uma delas. 
       
    • Elimine as principais distrações que podem prejudicar sua produtividade, como redes sociais, e-mails ou conversas irrelevantes.  
       
    • Avalie regularmente o seu progresso e identifique áreas em que você pode melhorar. Faça ajustes em sua abordagem conforme necessário. 

    Atualmente, existem diversos aplicativos que podem ser usados tanto no computador quanto no smartphone para dar aquela força extra na gestão de tempo. Entre os principais, temos Trello, Asana e Todoist.  

    Essas ferramentas servem para organizar suas tarefas, definir prazos e acompanhar o progresso do trabalho, priorizando dos mais urgentes para os menos importantes. 

    No caso da técnica Pomodoro, por exemplo, também há sites e softwares que otimizam a execução. Entre os principais, estão o Forest e o TomatoTimer. 

     
    Equilibre sua vida pessoal e profissional 

    Quem atua de forma autônoma tende a trabalhar muito mais, em razão da preocupação em ter uma renda estável. Por isso, é preciso saber gerir o tempo e destinar uma parte dele para o seu bem-estar. 

    Nesse sentido, vale estabelecer limites entre vida profissional e pessoal, planejando atividades que ajudem a manter esse equilíbrio. Entre os quesitos que podem ser considerados nessa etapa, estão: 

    • Definir horários específicos para o trabalho e para outras tarefas. Além disso, estabeleça limites físicos, como ter um espaço para trabalhar, para ajudar a separar as coisas. 
       
    • Fazer pausas regulares ao longo do dia para relaxar e recarregar. Sabe aquela parada para o cafezinho? Ela ajuda bastante! Aproveite para desconectar e se envolver em atividades que tragam prazer e relaxamento. 
       
    • Reservar um tempo para cuidar de si, tanto física quanto mentalmente. Considere praticar exercícios físicos, meditar, ter hobbies, dedicar tempo à família ou, simplesmente, descansar. 
       
    • Manter uma comunicação aberta e transparente com clientes e familiares sobre horários, limites e necessidades. 
       
    • Aprender a dizer “não” a demandas excessivas de trabalho ou compromissos pessoais que possam interferir no equilíbrio entre vida pessoal e profissional. 

    Cuide da sua saúde física e mental 

     
    Embora esse fator tenha sido mencionado brevemente antes, é preciso ter certa cautela e atenção com ele. Um dos problemas de saúde mais comuns para quem trabalha por conta própria ou em excesso é a Síndrome de Burnout

    Estima-se que, no Brasil, cerca de 30% de 100 milhões de pessoas trabalhadoras já tenham desenvolvido a Síndrome de Burnout, segundo dados da Associação Nacional de Medicina do Trabalho (Anamt).  

    Nos últimos anos, a Organização Mundial da Saúde (OMS) reconheceu o Burnout, incluindo a síndrome na 11ª Revisão da Classificação Internacional de Doenças usando, para tanto, o CID-11. E para identificar o problema, considere o seguinte: 

    • Avalie se você sente exaustão, esgotamento de energia, sentimentos de negativismo ou de cinismo. 
       
    • Observe se, direta ou indiretamente, mantém certo distanciamento mental do próprio trabalho. 
       
    • Entenda se você teve redução da eficácia profissional. 

    Nesse ponto, há também algumas dicas extras que ajudam a manter sua saúde física e mental em dia.  

    • Faça pausas ao longo do dia para se levantar, alongar e se movimentar. Se possível, pratique exercícios físicos, como caminhadas, yoga ou alongamentos. 
       
    • Pratique mindfulness e meditação. Aplicativos como Headspace ou Calm podem guiar as sessões, ajudando a reduzir o estresse, aumentar a concentração e promover o bem-estar emocional. 
       
    • Mantenha contato regular com colegas de trabalho e familiares, mesmo que seja no digital. Uma dica bacana é marcar chamadas de vídeo ou fazer encontros virtuais para combater a solidão e o isolamento. 

    Evite autojulgamento e cobranças desnecessárias 

     
    A vida de quem trabalha por conta própria tende a contar com um fator adicional que, em certa medida, mais prejudica do que ajuda: a autocobrança excessiva e a comparação com outras pessoas empreendedoras. 

    Na busca pelo sucesso, é comum não compreender que cada jornada profissional é única. Assim, o que parece fácil para uns pode, na realidade, ser bem diferente do que é mostrado, seja nas conversas, seja nas redes sociais. 

    Para evitar esse problema, vale definir metas claras e realistas para cada dia ou semana de trabalho. Divida projetos complexos em tarefas menores e mais gerenciáveis. Acompanhe o progresso conforme você avança em direção aos seus objetivos. 

    Hospede seu site na Locaweb 

     
    Para que o seu site, que pode ser um e-commerce ou um portfólio digital, funcione perfeitamente, é essencial contar com um bom serviço de web hosting. E a Locaweb oferece essa facilidade! 

    A Locaweb é pioneira e líder em hospedagem de sites, com infraestrutura no Brasil. Temos uma equipe qualificada para atender você sempre que precisar, com suporte especializado 24 horas, 7 dias por semana e em português. 

    Além disso, nosso serviço tem mais segurança: contamos com servidores monitorados 24 horas por dia para garantir sua tranquilidade contra hackers e invasores.